Diminuindo as cobranças

go ahead

“E você nunca sai da dieta?” Quase 60kg depois, essa é uma das perguntas mais frequentes que ouço. E sinto se vou decepcionar alguém, mas procuro sempre dar a resposta mas verdadeira possível: “Sim, eu ainda saio da dieta, quase 4 anos depois de tê-la começado”.

A reação, depois da minha resposta, é quase sempre de alívio. Porque quem pergunta normalmente tem medo de ver diante de si um ser humano perfeito, que nunca escapole da dieta e que, exatamente por isso, o fará se sentir a pior pessoa do mundo por não ser exatamente assim.

Sinto lhes informar, meninos e meninas, mas perfeição não existe. E quanto mais cedo, em todas as áreas de nossas vidas, a gente descobrir isso, mais leve a gente vai viver. Sim, porque quanto menos a gente quiser ser perfeito, menos a gente vai se cobrar e mais a gente vai conseguir seguir em frente.

Não estou dizendo com isso, que fique claro, que você pode chutar o balde e simplesmente comer o mundo acreditando que, assim, chegará ao seu objetivo. Nada disso. O que estou querendo dizer é que, caso saia da dieta, você pode sim conviver com isso, sem se martirizar, e corrigir a situação na refeição seguinte.

Ou seja, sair da dieta precisa ser um acidente na vida da gente e não uma constante. O seu objetivo precisa sim ser o de nunca permitir que isso aconteça mas, caso role, aprenda a lidar com isso da maneira mais saudável e tranquila possível. Não se culpe, não se julgue. Aceite o escorregão como um acidente de percurso, levante a cabeça e siga em frente.

Esse talvez seja o maior de todos os segredos: a capacidade de seguir em frente. Saiu da dieta? Não fique de mimimi, choramingando, com dózinha de você e, com isso, abrindo espaço praquela comidinha de consolo. Nada disso. Siga em frente aprendendo com os tropeços e desviando deles das próximas vezes. Acredite: você é capaz disso.

Então, de uma vez por todas, abrace a sua humanidade, com suas fraquezas, seus tropeções. Se ame, se perdoe, se queira bem. Diminua as cobranças e facilite a vida pra você mesmo. E siga em frente. Hoje e sempre!😉

2 pensamentos sobre “Diminuindo as cobranças

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s