Redescobrindo

Sou do tipo que ama viajar sozinha. Gosto de fazer as coisas a meu tempo, do meu jeito. Mas acima de tudo, gosto muito de estar comigo mesma.

Claro que essa preferência , num mundo cheio de gente que tem pavor da solidão (mesmo aquela calculada), sempre causa espanto. Em minhas viagens, me deparar com a pergunta: “Cadê seu namorado?”, “Mas você está mesmo sozinha?”, é bem comum.

Mas não é apenas nos lugares pra onde vou que sou vista com certa curiosidade. Quando digo que viajarei apenas na minha própria companhia, especialmente tendo como destino outros países, as interrogações se multiplicam.

Só que nesse final de semana a viajante single deu lugar à viajante acompanhada. E redescobri o prazer de viajar em grupo. Não em qualquer grupo, que fique claro. Mas com pessoas divertidas, pra cima, com objetivos comuns aos meus e uma vontade bem parecida: a de que a viagem fosse bacana para todas.

E foi. Fazia tempo que não ria tanto, que não conversava tanto e, claro, que não andava tanto num só dia (e olha que correr faz parte da minha rotina de exercícios físicos). Fazia tempo que não achava tão gostoso compartilhar as sensações, os olhares, aqueles comentários dos mais espontâneos.

Assim, a partir de agora também digo que viajar acompanhada é tudo de bom. Mas com ressalvas. Precisa ser com uma turma bem boa, com gente sem frescuras, que topa qualquer parada se necessário. E, acima de tudo, precisa ser com pessoas com quem a afinidade flua naturalmente e que a flexibilidade também vá pelo mesmo caminho. Porque, afinal de contas, é preciso conciliar as diferenças pra que a viagem seja inesquecível.

E eu digo com todas as letras: foi!

8 pensamentos sobre “Redescobrindo

  1. Rê, olha que curioso: você fez um post falando sobre redescobrir o prazer de fazer algo que gosta acompanhada e eu fiz um sobre redescobrir o prazer de fazer algo que gosto, mas sozinha. Interessante saber e lembrar sempre que há como ser feliz de várias maneiras, né?

    :*

    • Verdade! Tão bom perceber q podemos nos abrir pra possibilidade q, muitas vezes, deixamos pelo caminho, né? E melhor ainda perceber q elas podem sim, junto com tantas outras, nos fazer ainda mais felizes!

      E viva as pequenas redescobertas!

    • Amiga, estou lendo e lágrimas caindo de rir…. ao lembrar de todos os nossos assuntos… ai como foi bom e fico feliz em poder ter feito parte desta viagem maravilhosa.. foi lindo valeu…..

      • Amiga, foi tudibom! Nunca ri tanto numa viagem. E é como eu disse: as companhias fizeram toda a diferença!

        :*

  2. Eu achei O máximo a coisa dos aplausos!!! Que maraviiiilha!!! Vc está indo pelo caminho certo… Este seu último post me fez refletir sobre minha própria preferência e admiro quem prefira ir sozinho do que acompanhado. Na verdade o grande aplauso dessa atitude, deve ir para o fato de GOSTAR DE ESTAR COM VC MESMA!!! Quantos não gostariam de ter esse prazer, hein!!! Eu estou começando a aprender esta pequena GRANDE coisa sobre mim!!! Um bjo e boa semana

    • Rachel, vc nem imagina como gosto de estar comigo mesma! São momentos MUITO importantes, onde vou descobrindo o q gosto, o q não gosto e o q não quero pra mim.

      E, com certeza, minha RA tem grande participação nisso.

      Ah, e aplausos pra vc, pela motivação dessa semana!

      Bju!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s