Das pequenas mudanças

Semana passada deixei o blog um tiquim abandonado. Como fiz questão de escrever aqui, muitas coisas estavam acontecendo e eu precisava de um tempo para digeri-las. Na verdade, precisava manter a cabeça focada em pequenas mudanças que estava implementando pra que elas se efetivassem.

E foi o que aconteceu. Decidi que era hora de aumentar a carga de atividade física e, pra isso, eu precisaria acordar por volta de seis da manhã, três vezes por semana, pra conseguir caminhar antes de trabalhar. O que, pra mim, é bem complicado. Sou uma pessoa que valoriza cada segundo de sono e que precisa deles. Sem dormir bem (o que pra mim equivale a cerca de oito horas de sono por noite), fico mal-humorada, irritada, indisposta.

Assim, tive que tentar dormir mais cedo (o que nem sempre aconteceu) e me conscientizar de que o esforço era preciso. Afinal, se eu queria resultados diferentes, tava passando de hora de ter atitudes diferentes. Fiz o que pude e posso dizer que consegui! E não apenas isso, também consegui correr na quinta, depois do trabalho (já que nesse dia não consegui levantar mais cedo).

Só que o mundo não para pra que a gente consiga fazer o que precisa com mais tranquilidade, né? Assim, semana passada foi uma das mais corridas que tive, com atividades praticamente todos os dias à noite. Ou seja, precisei ligar o alerta vermelho: cansaço aliado a mais atividade física é sinal de que a dieta corria perigo. Sim, porque quando fico extremamente cansada, sempre abro concessões e tendo a deixar a vaca ir pro brejo.

Mas não essa semana. E o resultado? O resultado são 4,6kg eliminados em quase um mês de dieta (o que significa que já estou além daquilo que a nutricionista tinha estabelecido) e uma sensação enorme de dever cumprido. Finalmente saí de um determinado peso e, creio eu, semana que vem, quando voltar à nutri, estarei ainda melhor.

Só que isso é só parte das conquistas. O melhor de tudo é me sentir bem, realizada, com as pequenas mudanças que consegui implementar. É perceber que sim, atitudes diferentes nos levam a resultados diferentes. E que todo esforço vale sim a pena quando a gente tem algo a conquistar.

Assim, vamo que vamo que a semana tá só começando!

8 pensamentos sobre “Das pequenas mudanças

  1. Ah, que delícia, querida. Parabéns! Voltei de viagem repensando um monte de coisa e desejando mudanças nesse aspecto também. Vou me inspirar em você.

    • E é como eu falei aqui. São pequenas mudanças, pequenas mexidas, q fazem toda a diferença. Confesso q tou curtindo MUITO esse momento! 😉

  2. Rê, que sucesso, parabéns!!! Os resultados só aparecem com esforço mesmo! E agora pode estar sendo difícil acordar cedo pra caminhar, mas logo seu corpo acostuma. Fora que liberar endorfina logo cedo dará um outro ritmo para o seu dia! Beijos e boa semana!

    • Poisé, Milena. Hoje, por exemplo, já foi BEM mais tranquilo acordar cedo e caminhar. É o q vc disse mesmo: o corpo se acostuma. E nada mais gostoso do q começar o dia cheia de endorfina, né? :*

  3. Ai, Gizuz! Eu quero sentir essa endorfina também, pelamorrr!!! kkkkkkkkkkkk
    Hoje faço 1 semana de RA e zero vontade de fazer exercícios físicos sem motivo nenhum pra isso, pq apenas uma rua me separa da beira-mar com um calçadão estruturado para a prática de esportes e uma paisagem linda e ensolarada. Mereço apanhar, né? =(
    Vejo todo mundo dizendo que difícil é começar, depois a gente pega o gosto e só peço a Deus coragem pra dar essa primeira caminhada, rs.

    Bjosss =***

    • Caty, o começo é sim a parte mais difícil. Mas coloque algo na sua cabeça: a RA, com atividade física, traz resultados MUITO mais rápidos. Assim, qndo vc começar a curtir o q o espelho te mostrar, vc não vai mais querer parar de correr, caminhar, enfim, de se mexer! 🙂 E todo começo tb começa com uma obrigação. Não adianta. A gente se obriga a ir. Mas te garanto: chegando lá, vc vai achar bom demais da conta, como a gente diz aqui em Goiás!;)

    • Isso mesmo. Compre um tênis bacana (de preferência BEM colorido, q te deixe animada só de vê-lo! rs…) e vá mesmo. Aproveite esse momento pra falar com Deus. Tenho altas caminhadas com Ele e é tão bom! 🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s